Pleitos da tropa são apresentados ao comandante geral da PMBA

Postada, 08 de agosto de 2018 às 10h56

Defender os interesses dos seus associados tem sido um dos principais objetivos da Gestão Justiça Social que ao longo destes quatro anos vem percorrendo os quatros cantos da Bahia, acolhendo as demandas e necessidades da tropa e priorizando pelo diálogo, levando cada reivindicação ao comandante geral da PMBA, Coronel Anselmo Brandão. 

E nesta terça-feira,7, mais uma vez não poderia ter sido diferente. A diretoria esteve reunida com o gestor da pasta, no Quartel do Comando Geral, nos Aflitos, para apresentar demandas e sugestões de melhores condições de trabalho para os policiais.


Dentre os assuntos abordados na pauta, os diretores discutiram temas como: previsão do Curso (CEFS), celeridade nas promoções, garantia de GU no mínimo tipo B, aumento do número de vagas no QOA, estrutura precárias das unidades, treinamento para o efetivo operacional e administrativo, igualdade no CET, reajuste do auxílio alimentação e pagamento do auxílio transporte, PROHABIT, estrutura do DPS, ausência de CIA de Guarda em alguns lugares que tem presídio, reparação nas promoções, pagamento das horas extras nos eventos particulares, alfa 18 no "módulo" de Campo Santo, renovação de Habilitação dos motoristas e Auxílio Funeral. 

Em respostas à tais solicitações, o comandante geral ressaltou que sobre o CEFS, o novo cronograma será publicado em janeiro de 2019. Quanto a celeridade nas promoções, o cronograma não conseguiu atingir mais policiais devido não ter espaço para formação. 


Sobre a garantia de GU no mínimo tipo B, ele disse que algumas unidades estão com déficit de efetivo, mas, a orientação é garantir a segurança dos policiais. 

Referente ao aumento do número de vagas no QOA, o comandante garantiu nova convocação. 

Em relação as estruturas precárias em especial dos alojamentos, coronel Anselmo justificou que em suas visitas, tem feito vistorias e onde tem identificado problemas, tem buscado solucioná-los. 

Sobre a necessidade do treinamento trimestral para o efetivo operacional e administrativo, foi informado que tem ocorrido tanto nas especializadas quanto nas operacionais.


Outro ponto que também ganhou destaque foi o reajuste do auxílio alimentação que está sendo discutido na SAEB e sobre o auxílio transporte está sob a sua responsabilidade e que será pago ainda este ano.

Sobre o PROHABIT estão estudando novas formatações e possibilidades.

No tocante a atual estrutura do DPS, foi informado que aumentará o número de técnicos e disponibilizará dois veículos para melhor atender ao efetivo. 

No que tange a queixa da ausência de CIA de Guarda nos lugares que tem presídio, a exemplo de Juazeiro, fará uma visita ao local esta semana.


Em menção ao pagamento das horas extras nos eventos particulares como em shows, foi explicado que houve a retirada dos policiais da área interna do evento e colocado na área externa. E quando não é compensação de carga horária, a corporação paga a hora extra. 

Sobre alfa 18 no "módulo" de Campo Santo, está desativado e será demolido. 

A diretoria o informou que apresentará proposta sobre o CET, onde todos recebam o mesmo valor como funciona no oficialato e ainda solicitou intervenção do comando junto a autoridade competente para o
reajuste sobre o valor do auxílio funeral.

Todos aqueles que recebem CET de motorista tem direito a Renovação da CNH sem custo, é só informar na P1 da unidade sobre a Renovação e esta enviará ao DP a relação, que encaminhará ao Detran. Quem continuar tendo dificuldades, é só procurar a APPM.

Comente!